Já imaginou ser parado por um robô policial?

07/05/2019 às 12:33 pm

Publicado em Gizmodo

Está longe de termos um ciborgue durão que servia e protegia a população de Detroit no filme RoboCop, mas um robô pode ajudar com abordagens no trânsito e promete ajudar a tornar essas interações mais seguras para policiais e motoristas.

Todos os anos, milhões de motoristas são parados e, durante essas ocasiões, milhares de ataques e agressões acontecem, resultando em ferimentos e até mortes de policiais e suspeitos. Além disso, há também o risco de outros veículos quando uma parada é feita em uma estrada movimentada. Reuben Brewer acha que a criação dele pode ajudar dramaticamente a reduzir estes números, e embora as primeiras versões foram montadas em sua garagem, ele agora está desenvolvendo seu robô policial para a SRI International no Departamento de Ciência e Tecnologia Aplicada.

O robô policial não foi pensado para substituir humanos, no entanto. Policiais ainda terão de indicar quais veículos deverão ser parados, mas quando o fizerem, o robô ajudará a criar uma distância segura entre os suspeitos e a polícia, enquanto os dois permanecem em seus veículos durante os testes. É um robô de telepresença que se estende em um longo braço de um carro da polícia até o veículo do suspeito, facilitando a comunicação bidirecional de áudio e vídeo.

Mas o robô é mais do que apenas uma câmera de vídeo em uma vara. Ele é equipado com um leitor de código de barras que permite que uma carteira de motorista seja rapidamente digitalizada, enquanto uma impressora térmica pode gerar tíquetes que os condutores poderão retirar facilmente do robô.

Conforme o robô se move ao lado do veículo, ele também ocupa a faixa ao lado com um obstáculo, impedindo que o motorista fuja — se tentar, pelo menos ele vai rasgar o pneu no processo. O robô certamente não vai reduzir os incidentes de fúria. É seguro assumir que os suspeitos nervosos estarão ainda mais inclinados a atacar uma câmera ou uma tela, No entanto, substituir um robô é fácil, um policial, não.

Agora, será que este chapéu picareta de policial é realmente necessário para o robô?

últimas Postagens